Outro Exemplo de Cálculo dos Reajustes de Parcelas de Obras Públicas

Marcio Soares da Rocha

Apresentamos outro exemplo de cálculo de reajustes de parcelas de uma obra pública cujo preço global é R$ 12.142.183,00 e cujo fluxo de pagamentos durou quase três anos. Apresentamos este exemplo em forma de tabela, pois assim fica muito didático ver como cada reajuste de parcela é processado.

Não apresentamos aqui a teoria sobre o reajustamento de parcelas de obras públicas, pois este site já possui um artigo que a apresenta.

As parcelas P1 a P8 não sofrem reajuste pois foram pagas dentro dos primeiros doze meses. As parcelas P9 a P15 sofrem reajuste de acordo com o índice IR1, e as parcelas P16 a P19 sofrem reajuste de acordo com o índice IR2. Observe-se que o Io (índice do mês da proposta ou do mês da assinatura do contrato) fixa fixo e que a variação é calculada para cada parcela paga, adotando como índice In o índice do mês no qual a parcela foi paga.

Tabela 1 – Exemplo de Cálculo dos Reajustes de Parcelas de Obra Pública

REAJUSTE_EXEMPLO_p_BLOG_AUDIT.ENG

Esse post foi publicado em Uncategorized e marcado , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s